Este site é pessoal e tem o foco principal, nas notícias e fatos de interesse de nosso povo e das nossas coisas. Então, significa que não temos equipe e nem tempo para informar tudo o que acontece em Baião e região, ficando ao nosso critério divulgar as informações mais relevantes.
"Vote na enquete, assista os vídeos, deixe seu comentário e divirta-se."
Loading...

sábado, 5 de março de 2016

PROFESSORES DE BAIÃO EM ASSEMBLEIA DECIDEM PELA GREVE

PROFESSORES EM ASSEMBLEIA DECIDEM PELA GREVE
Entenda o caso:
Depois de terem sido descontados em seus pagamentos do mês de Janeiro deste ano, que segundo os Cálculos do Setor Jurídico da Coordenação do Sintepp - Baião:
- Foi pago o 1/6 de Férias
- Foi pago o Reajuste do Piso de 11,36%
e a Jornada de Trabalho dos Professores foi Reduzida para 120 Hs.
Na Quinta (25/02) o Sintepp debateu com o Gov. Municipal a Pauta de Reivindicações:
1. Prestação de Contas analítica dos repasses do governo municipal para o IPMB (Patronal e servidores);
2. Fornecimento da Folha de Pagamento de todos os trabalhadores da Educação do município de Baião, efetivos e temporários, dos anos de 2014, 2015 e 2016;
3. Pagamento do Salário dos trabalhadores da Educação até o 5º dia útil de cada mês;
4. Pagamento do retroativo das perdas do professores com a redução de jornada para 120 horas referente a janeiro de 2016;
5. Jornada mínima de 150 horas até a Jornada máxima de 200 horas por cargo;
6. Pagamento da compensação financeira de 50% de nível superior para todos os professores que fazem jus, inclusive para os que acumulam dois cargos de professor;
7. Pagamento da Gratificação de Pós-graduação para todos os professores do município de Baião que fazem jus;
8. Reformulação do PCCR da Educação;
9. Garantir material didático suficiente para todas as escolas do município;
10. Garantir a carga horária mínima de aulas para os alunos na escola que é 4 horas diárias e 200 dias letivos;
11. Fornecimento ininterrupto de Merenda Escolar de boa qualidade;
12. Regionalização da merenda escolar; Reformas das escolas;
13. Garantir o atendimento ininterrupto com o transporte escolar para os alunos do município;
14. Reintegração de cargo aos professores que foram exonerados ilegalmente e que ainda não foram reintegrados;
15. Criação e funcionamento do Fórum Municipal da Educação.
Em Assembleia Geral Extraordinária, no dia 04 de março de 2016
Os Trabalhadores da Educação Pública Municipal de Baião Debateram, Votaram e Aprovaram:
- GREVE GERAL POR TEMPO INDETERMINADO
a partir do dia (10 de março de 2016 (quinta-feira).
Obs: A Categoria decidiu pela Greve Geral por:
- Entender que o governo municipal de Baião/PA não respondeu de forma satisfatória a Pauta de Reivindicações dos Trabalhadores da Educação Pública Municipal de Baião.
- Por não concordar com as medidas adotadas pelo governo municipal que Reduziu a Jornada de Trabalho dos Professores e com isso Reduziu também o tempo de permanência das Crianças na Escola.
Estamos Lutando e Reivindicando entre outras coisas:
- A Carga Horária de 4 horas diárias de aulas para os alunos
- A Merenda Escolar de boa qualidade;
- O Transporte Escolar para os alunos;
- A Reformulação do PCCR da Educação;
Encaminhamentos:
- Greve Geral a partir de 10 de março de 2016.
- Concentração a partir das 08:00 horas no Salão Paroquial.
- Debate sobre nossas Ações Sindicais.
- Ato Público pelas ruas de Baião.