Este site é pessoal e tem o foco principal, nas notícias e fatos de interesse de nosso povo e das nossas coisas. Então, significa que não temos equipe e nem tempo para informar tudo o que acontece em Baião e região, ficando ao nosso critério divulgar as informações mais relevantes.
"Vote na enquete, assista os vídeos, deixe seu comentário e divirta-se."
Loading...

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

PROCURADO PELA POLÍCIA!

PROCURADO PELA POLÍCIA!
Marcos Carvalho adicionou 4 novas fotos.
 Policia Divulga fotos de acusados de crime em Breu Branco.
A policia civil de Breu Branco divulgou as fotos dos nacionais Gilson Santos da Cruz de 54 anos de idade , “vulgo CAPIXABÁ e de seu filho Edson Correa da Cruz de 33 anos.
Os mesmos são os principais suspeitos de terem cometido os famigerados crimes em que foram vítimas. Janaína Lopes da Silva de 18 anos de idade e da filha Pamela Vitória da Silva Pantoja de 1 ano e 8 meses de idade. Também um adolescente de 17 anos de idade foi atingido, mais sem gravidade.
O crime aconteceu no Bairro da Felicidade mais popularmente conhecido como Bairro do facão em Breu Branco na manhã do primeiro dia do ano de 2015.As vitimas participavam das comemorações em família de virada de ano, juntamente com diversas pessoas quando foram covardemente surpreendidas por o disparo efetuado pelos acusados Edson e Gilson A filha teve morte instantânea a mãe foi socorrida ainda com vida para A UPA( Unidade de Pronto Atendimento de Breu branco) e depois levada as presas para o Hospital Regional de Tucuruí onde após ter passado por cirurgias não resistiu e veio a falecer.
O Delegado de Policia Civil de Breu Branco Delegado Rommel Felipe O, de Souza Já está com o pedido de prisão preventiva decretada pelo Juiz titular da Comarca de Breu Branco Dr. José Jonas Lacerda de Sousa, contra os acusados. Segundo o Delegado todas as informações são de grande importância e espera que a população e quem souberem de qualquer informação, possa repassar a policia. Os telefones de contatos são: (094) 3786-1641 e (094) 99270-4474.
Até o momento de fechamento desta matéria a policia não possuía nenhuma informação que pudesse levar a prisão dos mesmos.